Portal BEI

Cliente é multada em quase R$ 7 mil após secador de cabelo ativar alarme de incêndio em hotel

Fonte: Redação

Uma hóspede foi multada em US$ 1,4 mil (o equivalente a R$ 6,9 mil) por um hotel na Austrália após seu secador de cabelo ter ativado acidentalmente o alarme de incêndio do local. A mulher estava hospedada no Novotel Perth Langley no sábado passado (9/12) quando ocorreu o incidente.

De acordo com o site Daily Mail, a cliente estava se arrumando para participar de um show, quando resolveu secar os cabelos após o banho. Logo depois, ela percebeu que profissionais do Departamento de Bombeiros e Serviços de Emergência haviam chegado à sua porta.

Histórias inusitadas:

Após esclarecimentos, a situação parecia resolvida, e a mulher deixou o hotel no dia seguinte. No entanto, três dias depois, ela descobriu a cobrança automática da multa em sua conta bancária.

A cobrança, entretanto, é considerada indevida pelas autoridades locais. Segundo o site, a ‘taxa de chamada de alarme de incêndio falso’ não deveria ser repassada pelo estabelecimento aos hóspedes. Ela é cobrada pelo órgão após a quarta chamada falsa em um ano.

“Eles não enviaram nenhum e-mail. Lguei para o hotel e disseram que estava em seus termos e condições”, disse a hóspede ao site Perth Now. “É nojento e covarde”.

A cliente disse ainda que passou toda a quarta-feira (13/12) tentando ter a cobrança reembolsada. O hotel, porém, teria deixado de atender suas ligações.

A reportagem do Daily Mail entrou em contato com o hotel, mas não obteve retorno. Trocas de e-mail repercutidas por outros veículos locais indicam que a taxa foi reembolsada nesta quinta-feira (14/12).

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
+ Relacionadas
Últimas

Newsletter

Fique por dentro das últimas notícias do mundo dos negócios!