Portal BEI

Lula: Mesmo se Haddad errar, governo ainda vai dar certo

Fonte: Redacao IF
Lula: Mesmo se Haddad errar, governo ainda vai dar certo
O presidente Lula e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, se cumprimentam durante entrevista. Foto: Ricardo Stuckert/PR

O presidente Lula disse nesta quarta-feira que mesmo que o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, cometa erros, ainda assim o seu governo “vai dar certo”.

“Eu disse ao ministro Haddad esta semana: ‘se tudo der errado, ainda [o governo] vai dar certo. Quero dizer, não tem jeito, mesmo que você [Haddad] erre, não tem jeito [de o governo dar errado]”, afirmou o presidente.

“O Brasil vai voltar a ser grande, escrevam isso porque estamos com apenas 15 meses de governo”, acrescentou.

Lula mencionou a conversa durante cerimônia no Palácio do Planalto. Apesar disso, ele não explicou o contexto do diálogo entre os dois.

Haddad sob pressão

Haddad entrou em rota de colisão com o Congresso Nacional depois que decidiu recorrer ao Supremo Tribunal Federal pedir a inconstitucionalidade da lei que prorrogou a desoneração. O movimento do ministro irritou a cúpula do Congresso Nacional.

O argumento da equipe econômica é que a lei “estabeleceu tais hipóteses de renúncia de receita sem a devida demonstração do impacto orçamentário e financeiro da medida”.

O pedido foi atendido pelo ministro Cristiano Zanin, e o caso foi para o plenário virtual. O julgamento foi interrompido por um pedido de vistas do ministro Luiz Fux quando a votação estava 5 a 0 a favor do governo.

Lula mencionou a conversa com Haddad durante cerimônia na qual o governo anunciou investimento de R$ 18,3 bilhões de reais em cinco modalidades do Novo PAC Seleções.

As cinco modalidades são Abastecimento de Água – Rural; Periferia Viva – Urbanização de Favelas; Prevenção a Desastres Naturais: Contenção de Encostas; Regularização Fundiária; e Renovação de Frota.

O ministério das Cidades é o responsável por executar as obras.

Com informações do Valor Pro, serviço de notícias em tempo real do Valor Econômico

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
+ Relacionadas
Últimas

Newsletter

Fique por dentro das últimas notícias do mundo dos negócios!