Portal BEI

Halving do Bitcoin: Entenda o evento que deve ‘sacudir’ o mercado cripto nesta semana – Money Times

Fonte: Raisa Boing
bitcoin-btc-b3 halving criptomoedas
Bitcoin: O halving reduz pela metade a recompensa pela mineração de novos blocos; veja como isso afeta a criptomoeda. (Imagem: GNEPPHOTO/Canva Pro)

O Bitcoin (BTC), a maior criptomoeda do mercado, tem sido o centro das atenções no primeiro trimestre de 2024. Após atingir sua máxima histórica (US$ 72.100) em março deste ano, as sequências de alta da moeda voltaram a chamar a atenção não só do público em geral, mas também de investidores mais ousados.

No entanto, o seu valor ainda gera muitas dúvidas mesmo entre os especialistas de mercado. Poucos entendem de onde, de fato, vem o valor do Bitcoin e o quão poderosa é a escassez desse ativo. E um dos grandes protagonistas pelos movimentos de mercado e também um “boom” na procura pelo ativo recentemente tem nome: o halving do Bitcoin.

À medida que nos aproximamos do evento, que deve ocorrer por volta do dia 18 de abril, o BTC tem apresentado oscilações, gerando especulações sobre o impacto dessa data marcante e o futuro da criptomoeda.

O que é o halving do Bitcoin?

O termo “halving” vem do verbo inglês “to halve”, que significa dividir ao meio. Assim, no contexto do Bitcoin, esse evento ocorre a cada quatro anos, reduzindo pela metade a recompensa pela mineração de novos blocos. Isso tem como efeito direto a diminuição da oferta de novos bitcoins no mercado.

Mas para entender melhor o halving, é importante compreender a estrutura de mineração do Bitcoin. A mineração é o processo pelo qual novos BTCs são criados, enquanto as transações são registradas na blockchain do Bitcoin.

Para isso, os mineradores utilizam computadores poderosos para resolver problemas matemáticos complexos e validar as transações. Em troca, recebem uma recompensa em bitcoins.

Como ocorre o halving do Bitcoin

O halving ocorre porque o protocolo do Bitcoin foi projetado para limitar a quantidade total de bitcoins em circulação. Inicialmente, a recompensa pela mineração de um bloco era de 50 bitcoins. A cada 210.000 blocos minerados, aproximadamente a cada quatro anos, essa recompensa é reduzida pela metade, em um processo conhecido como halving.

Atualmente, a recompensa é de 6,25 bitcoins por bloco e está programada para continuar diminuindo até que o último bitcoin seja minerado – previsto para o ano de 2140.

  • Quais são as melhores recomendações de investimento para abril das maiores casas de análise e bancos do país? O Money Picks analisou 30 carteiras recomendadas para descobrir a resposta – veja aqui gratuitamente.

O impacto da redução de bitcoins nos movimentos de mercado

A redução na recompensa pela mineração tem um impacto significativo no mercado de bitcoins. Isso porque, com menos bitcoins sendo criados a cada dia, a oferta da moeda digital é reduzida – o que pode levar a um aumento de sua valorização.

De acordo com Theodoro Fleury, gestor e diretor de investimentos da QR Asset, a escassez do Bitcoin é um dos aspectos mais fascinantes que contribuem para o seu valor como ativo digital. E essa escassez aumenta à medida que novos halvings surgem no horizonte.

O evento é, portanto, aguardado com grande expectativa pelos investidores e entusiastas do Bitcoin. O próximo halving do Bitcoin está programado para ocorrer em 18 de abril, o que tem gerado grande interesse e especulação no mercado.

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
+ Relacionadas
Últimas

Newsletter

Fique por dentro das últimas notícias do mundo dos negócios!