Portal BEI

Com inflação persistente, fundo soberano de US$ 80 bi compra ações de Walmart (WALM34) e Kroger (K1RC34)

Fonte: Renato Jakitas

O Alaska Permanent, o mais tradicional fundo soberano estadual dos Estados Unidos, triplicou no primeiro trimestre do ano seus investimentos em ações do Walmart (WALM34) e da Kroger (K1RC34). As companhias representam, respectivamente, a primeira e a segunda maior supermercadista dos Estados Unidos.

O fundo também comprou ações da montadora de automóveis Ford Motor (FDMO34) e, no campo oposto, reduziu sua participação na Pfizer (PFIZ34).

As informações foram divulgadas pelo Wall Street Journal, que teve acesso ao formulário de negociações do fundo soberano arquivado na Securities and Exchange Commission, a CVM dos Estados Unidos.

Criada em 1980, o Alaska Permanent Fundo é ligado ao estado homônimo dos Estados Unidos. Atualmente, o fundo administra cerca de US$ 78 bilhões em ativos, dos quais cerca de US$ 27 bilhões estão alocados em ações de empresas. É hoje o maior fundo soberano de um estado americano, em volume administrado.

O fundo comprou mais 22,4 mil ações do Walmart no primeiro trimestre, elevando seu investimento na rede de supermercados para 31,5 mil ações. O Walmart no Brasil é negociado via BDR (Brazilian Depositary Receipts, certificados que representam ações emitidas por empresas em outros países).

Nos Estados Unidos, os papéis dispararam 15% no primeiro trimestre, em comparação com um aumento de 10% no índice S&P 500 no mesmo período. Até agora, no quarto trimestre, as ações estão estáveis, enquanto o índice caiu 3%.

A empresa entrou no radar dos investidores, como é o caso do fundo soberano do Alaska, principalmente em função da inflação persistente nos Estados Unidos.

Comprar uma empresa que repassa integralmente a inflação dos produtos é uma forma do investidor se proteger, ele próprio, do impacto do aumento dos preços sobre seu patrimônio.

No caso do Walmart, para além dessa proteção contra inflação, há também o fato que a empresa protagoniza movimentos bem vistos pelo mercado. Como a notícia de que a rede estaria comprando a fabricante de TVs Vizio. A história vazou em março e, com ela, as ações do grupo varejista registraram uma alta recorde de US$ 61,66.

Ações da Kroger também subiram

Já a Kroger, a segunda rede supermercadista dos Estados Unidos, está tentando crescer comprando a Albertsons, uma cadeia rival, embora a negociação esteja neste momento parada na Federal Trade Commission (Comissão Federal de Comércio, espécie de Cade americano).

As ações da Kroger subiram 25% no primeiro trimestre, mas até agora, no segundo trimestre, caíram 3%. A Alaska Permanent comprou mais 19.200 ações da Kroger para encerrar o primeiro trimestre com 29,2 mil ações.

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
+ Relacionadas
Últimas

Newsletter

Fique por dentro das últimas notícias do mundo dos negócios!