Portal BEI

Balanço da Cosan; IPCA-15; inflação e PIB dos EUA: o que esperar para a semana? | InvestNews

Fonte: Bloomberg

O mercado reage na próxima semana ao IPCA-15 de maio, que deve ter aceleração em relação a abril e pode ajudar a definir para onde pende a balança das apostas para a reuniao do Comitê de Política Monetária (Copom), em junho. Resultado fiscal e desemprego também estão no radar e, após feriado, o câmbio define ptax. Um veto à lei sobre setor aéreo é foco no Congresso. Nos EUA, o dado de inflação preferido do Fed, o PME, move o mercado de juros. Veja destaques:

IPCA-15

A estimativa dos economistas é de aceleração do IPCA-15 de maio para 0,47% na comparação mensal, enquanto em termos anuais o dado deve ficar em 3,73%, mantendo patamar de abril. A alta dos preços de alimentos e combustíveis deve pesar no índice cheio e o impacto residual do aumento de medicamentos também deve ter efeito no indicador, segundo Adriana Dupita, da Bloomberg Economics. “A maior parte da desinflação parece ter acabado”, disse a economista. O mercado precifica chance majoritária de Selic estável em junho.

Fiscal e desemprego

A agenda forte em indicadores econômicos da semana também prevê dados que mostrarão o desempenho da política fiscal e do mercado de trabalho, que têm representado pontos de atenção para as expectativas de inflação e taxas de juros. No dia 29, será divulgada a taxa de desemprego, com estimativa de queda para 7,8% em abril. Para sexta-feira, está previsto o resultado primário do mesmo mês. A semana ainda deve ter o resultado do governo central e dados de crédito.

PCE e PIB nos EUA

Após a redução das apostas em cortes dos juros americanos com a ata do Fomc nesta semana, o mercado espera o deflator PCE, tido como um dos dados monitorados mais de perto pelo Fed, no dia 31. O indicador deve mostrar moderação, mas devido uma queda aguda nos voláteis preços de passagens aéreas, enquanto o alívio nas condições financeiras continuaram a pressionar a inflação, segundo a Bloomberg Economics. Semana nos EUA ainda terá dados do PIB e falas de dirigentes do Fed.

Minério e petróleo

O mercado de minério de ferro vem de uma sequência de ganhos sólidos e a tonelada do produto superou os US$ 120 nesta semana com expectativas positivas sobre a demanda na China. O país divulga os PMIs de maio no dia 30. Já o petróleo teve semana de perdas, apesar das expectativas de que a Opep+ continue com seus cortes na produção. O grupo de países exportadores se reúne em 2 de junho.

Feriado, ptax, setor aéreo

Os mercados fecham no Brasil no dia 30, quando será feriado nacional de Corpus Christi. Um dia depois, o mercado de câmbio definirá a ptax, que é referência para o vencimento dos futuros de dólar. Em semana com agenda estreita para o mundo corporativo, a Cosan divulga balanço do primeiro trimestre na terça-feira. O Congresso pode votar nos próximos dias veto presidencial à lei que flexibiliza regras do setor aéreo, garantindo despacho gratuito de bagagens.

Para você: Os principais tópicos para começar bem o dia!

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
+ Relacionadas
Últimas

Newsletter

Fique por dentro das últimas notícias do mundo dos negócios!