Portal BEI

Dono de loja expõe

Fonte: Redação

Conversa foi postada por David Maffei, dono da Halfsies Cookie, no Instagram. A publicação chegou a mais de 1,2 milhão de visualizações e dividiu opiniões entre usuários


Os usuários se dividiram sobre a postura da marca ao negar a parceria
Os usuários se dividiram sobre a postura da marca ao negar a parceria — Foto: Reprodução/Instagram

A reclamação de um empreendedor de Nova York sobre uma proposta de parceria viralizou e dividiu opiniões na internet. David Maffei, dono da Halfsies Cookie, compartilhou os e-mails recebidos de uma jovem com pouco mais de mil seguidores no Instagram solicitando produtos gratuitos em troca de divulgação. Após ser questionada sobre seu perfil, ela explicou que era uma influenciadora iniciante, ao que o proprietário respondeu: “e eu sou um astronauta iniciante”.

A conversa foi postada por Maffei no perfil da loja no Instagram. A publicação chegou a mais de 1,2 milhão de visualizações e recebeu milhares de comentários. Enquanto alguns usuários defenderam sua postura, outros criticaram o fato de ele ter exposto a jovem na internet.

O vídeo postado pelo empresário mostra a troca de e-mails entre os dois. Na primeira mensagem, a jovem explica que está noiva e gostaria de incluir os biscoitos da marca na sua caixa de lembranças aos convidados. O gestor explica que pedidos podem ser feitos por e-mail, e a garota então pergunta se ele faz parceria com influencers. Após ver o perfil dela, o empresário responde: “Desculpe, você não é uma influencer.”

Na legenda da publicação. Maffei se explica: “Sou um homem de meia-idade, com talvez uma dúzia de amigos verdadeiros e uma conta privada [no Instagram] e tenho mais seguidores do que ela. Nunca, em um milhão de anos, eu pensaria que sou um influenciador ou até mesmo pediria coisas grátis de uma empresa que não sigo”.

“Ok, e por que ridicularizar ela nas redes sociais? Esta empresa é dirigida por crianças? Rude e não profissional”, opinou uma pessoa. Uma segunda usuária escreveu: “Você pode dizer não… Ela fez uma tentativa. E não vou ficar brava com ela por isso. Uma empresa não deveria se comportar de maneira pouco profissional. Tão nojento.”

Entre quem apoiou o empresário, uma pessoa escreveu: “Abordar pequenas empresas para obter coisas grátis? Se você não tem dinheiro para se casar, ajuste suas expectativas e orçamento, e não espere que outras pessoas se endividem pelo seu dia especial”.

“Esses influenciadores só querem algo em troca de nada. Seus biscoitos (que parecem incríveis, aliás!) custam dinheiro para serem produzidos. Por que você deveria ser solicitado a distribuí-los gratuitamente?”, disse outro.

Mais recente Próxima Mulher pede indenização após panela de vidro de R$ 1 mil quebrar durante o uso

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
+ Relacionadas
Últimas

Newsletter

Fique por dentro das últimas notícias do mundo dos negócios!