Portal BEI

Chuvas no RS: governo anuncia hoje crédito para família, empresas e pequenos agricultores

Fonte: Redação

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou nesta quinta-feira que o governo anunciará hoje uma proposta de facilitação do acesso a crédito para as famílias, empresas e pequenos produtores afetados pelas enchentes no Rio Grande do Sul.

O Executivo está trabalhando em diversas frentes em relação à crise climática no estado. Cerca de 80% dos municípios gaúchos foram afetados, com 336 cidades em estado de calamidade, no que é considerado o pior desastre ambiental da história do RS.

— Vamos anunciar uma medida importante, agora, de crédito para empresas, famílias, pequenos agricultores. No mesmo projeto, pensando nas famílias, vamos dizer assim, famílias e empresas. Mas já estamos estruturando também (para os) municípios — disse o ministro, em conversa com jornalistas.

Ontem Haddad mencionou que a linha de crédito específica às famílias em situação de calamidade será abrangente, sem especificar quais bens materiais poderão ser comprados. Há situações em que as vítimas das enchentes precisam “reconstruir” a vida toda, menciona.

Nesta semana, além do projeto sobre o crédito especial, outra medida que está sendo avaliada trata da suspenção do pagamento da dívida do Rio Grande do Sul com a União. Ainda não foi definido um prazo.

O projeto tratar do pagamento diferenciado dos débitos com a União em caso de eventos de crise climática. Ou seja, não é específico para o RS e poderá ser aplicado em caso de outros desastres.

— Nós devemos anunciar na segunda-feira (projeto sobre a dívida), eu já falei ontem com o governador Eduardo Leite, tem alguns detalhes importantes que são mais formais, então a discussão não é volume de recursos, nós vamos fazer o que for necessário — declarou Haddad, também nesta quinta-feira.

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
+ Relacionadas
Últimas

Newsletter

Fique por dentro das últimas notícias do mundo dos negócios!