Portal BEI

Bolo de chá revelação com simulação de parto viraliza e divide opiniões: ‘Chocada com o cordão umbilical’

Fonte: Redação

Com a crescente demanda por bolos de chá revelação, o confeiteiro Murilo Fernandes, 31 anos, decidiu apostar em uma criação inusitada, que combina a revelação do gênero de um bebê com uma outra tendência, os bolos flork – que usam um traço característico no desenho de um personagem para criar memes. O doce criativo de Fernandes simula um parto cesárea.

A ideia viralizou nas redes sociais, alcançando 4,6 milhões de visualizações em quatro dias, apenas no perfil do confeiteiro no Instagram. O vídeo mostra o bolo com uma personagem no estilo flork grávida, e o empreendedor narra o vídeo em tom de brincadeira, simulando o momento de um parto. A gravação mostra a “barriga” sendo cortada e o nascimento do “bebê”.

O uso de elementos imitando sangue e cordão umbilical dividiram opiniões entre os usuários. Enquanto alguns internautas elogiaram o trabalho e brincaram com a criação, outros se mostram chocados com a ideia e criticaram a decoração do doce: “Credo, é nojento, não tenho coragem de comer esse bolo”, disse um. “Chocada com o cordão umbilical”, afirmou outra.

“Eu sempre tento buscar algo diferente para os meus clientes e seguidores, mas eu não esperava a repercussão que isso daria. Fiquei muito feliz com tantas visualizações e compartilhamentos. Acho que é o sonho de todo mundo que trabalha com rede social”, comenta Fernandes.

Para chegar ao resultado, o confeiteiro afirma que foram necessários diversos testes e uma boa dose de criatividade. Segundo o empreendedor, o sangue foi um dos elementos mais difíceis. Apesar de considerar essencial a presença de algo que simulasse o sangramento, foi necessário pensar em estratégias específicas para que o líquido não encostasse no bebê. O confeiteiro afirma que lançou mão de diferentes técnicas e camadas dentro do bolo.

Fernandes comercializa o bolo do vídeo, que tem cerca de 7 kg, por aproximadamente R$ 1,4 mil. Natural de Minas Gerais, o confeiteiro mora atualmente em Londrina (PR) e mantém a produção dentro de casa.

Bombou nas redes:

Além da venda dos bolos, o empresário dá cursos online com técnicas básicas de confeitaria para iniciantes e empreendedores. Segundo o confeiteiro, as aulas surgiram como uma forma de complementar a renda. Formado em biologia, o empresário decidiu largar a carreira acadêmica para apostar na paixão pela confeitaria.

“Eu estava fazendo meu doutorado e, no meio desse período, tive esse despertar. Vi que eu não seria feliz com o que eu estava fazendo, então decidi largar minha carreira na biologia para embarcar na venda de doces. Foi a decisão mais difícil da minha vida, comecei vendendo bolo de pote no meu prédio e o pessoal gostou bastante”, lembra Fernandes.

Desde 2021, quando abriu o negócio como MEI, o confeiteiro já teve vídeos com mais de 20 milhões de visualizações. Conhecido nas redes sociais por outros bolos criativos, como os doces no estilo de cartoon, o empreendedor aponta a criação de conteúdo online como um dos pilares do negócio.

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
+ Relacionadas
Últimas

Newsletter

Fique por dentro das últimas notícias do mundo dos negócios!