Portal BEI

Foundever lançará primeiro hub multilíngue na Malásia em 2024

Fonte: Bianca Alvarenga

A Foundever tem conquistado novos mercados e fortalecido sua presença global ao longo dos anos. Com a abertura das operações na África do Sul e Peru nos últimos dois anos, a empresa tem ampliado sua atuação em diferentes regiões. Agora, com o olhar voltado para a Malásia, a Foundever planeja capitalizar o ambiente de negócios do país para fortalecer sua capacidade de prestação de serviços e impulsionar a inovação em Costumer Experience.

A Malásia, no Sudeste Asiático, se tornou um centro promissor de inovação e empreendedorismo digital. Segundo a Reuters, Kuala Lumpur quer se posicionar como um hub digital regional, almejando figurar entre os 20 principais países no índice global de startups até 2030. Recentemente, a Microsoft anunciou investimento de US$ 2,2 bilhões em infraestrutura de nuvem e Inteligência Artificial (IA) na Malásia.

O país se tornou um polo atraente para empresas globais como a Foundever. Previsto para inaugurar seu primeiro centro multilíngue no final de 2024, essa expansão representa um marco na missão da empresa de oferecer soluções digitais CX e suporte multilíngue em diversos idiomas e culturas, atendendo clientes globalmente, a partir de um dos países sede da empresa.

Laurent Delache, CEO da Foundever no Brasil, explicou à Consumidor Moderno sobre a expansão das operações. “Enquanto estávamos na Malásia, percebemos a necessidade de expandir nosso ecossistema. Com base na avaliação dos consumidores e contratantes, a Malásia está entre os cinco países mais atrativos para investimentos em central de atendimento. A Índia, Filipinas e África do Sul lideram, mas a Malásia vem ganhando destaque devido aos investimentos em educação. Estamos acompanhando essa tendência e ampliando nossa presença lá”.

Estratégia multilíngue

O novo centro, que inicialmente adotará um modelo híbrido, oferecerá suporte tanto ao trabalho remoto quanto a um espaço de coworking, até que um local físico permanente seja estabelecido. Ao aproveitar a força de trabalho e o ambiente de negócios favorável da Malásia, a empresa pretende melhorar a sua capacidade de prestação de serviços e fortalecer a sua posição na região.

Um dos principais destaques do hub Foundever na Malásia é o seu suporte multilíngue, atendendo a uma ampla gama de idiomas falados em todo o Sudeste Asiático. Inglês, bahasa malaio, tâmil, mandarim, cantonês, japonês, coreano, vietnamita, tailandês, bahasa indonésio e árabe estão entre os idiomas que terão suporte no local.

Quanto ao número de colaboradores a serem contratados, a Foundever está em fase de planejamento, mas espera um crescimento expressivo em um curto período de tempo. A experiência na África do Sul, onde o número de funcionários cresceu rapidamente para atender a demanda, sugere um padrão semelhante na Malásia. Além disso, a empresa está explorando soluções tecnológicas, como a tradução automática, para otimizar os serviços de atendimento ao cliente.

“Acredito que estamos na fase de planejamento para receber uma quantidade significativa de trabalho rapidamente. Observando o exemplo da África do Sul, que começou com um pequeno grupo de pessoas e agora já tem 500, com previsão de dobrar em breve, percebemos um aumento na demanda por contratação de mão de obra nesses países.”, pontua o executivo.

O novo centro multilíngue da Foundever na Malásia é parte integrante de sua estratégia para se posicionar como líder global em soluções digitais e escaláveis. A empresa espera aumentar sua capacidade de cobertura para atender às expectativas dos clientes em diferentes regiões do mundo. A diversidade linguística e cultural da Malásia oferece à Foundever uma vantagem competitiva significativa ao permitir a prestação de serviços adaptados às necessidades específicas de cada mercado.

Embora os detalhes específicos do investimento na Malásia não tenham sido divulgados, a expectativa da Foundever é posicionar-se como líder global em soluções digitais e escaláveis, especialmente em termos de expansão de mercado e satisfação do cliente. “A abertura na Malásia amplia nossa capacidade de ter talento acessível para atender às demandas dos consumidores, especialmente em línguas menos comuns. Isso nos permite atender situações que, anteriormente, nos limitavam em termos de cobertura.”, contextualiza Laurent.

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
+ Relacionadas
Últimas

Newsletter

Fique por dentro das últimas notícias do mundo dos negócios!